1º Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino (HS-1) alcança a marca de 5.000h voadas nas aeronaves SH-16 Sea Hawk

O 1º Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino (HS-1) ou também conhecido comoEsquadrão Guerreiro, alcançou a marca de 5.000 horas voadas em suas aeronavesSikosrky SH-16 Sea Hawk. O feito, deu-se durante um voo por instrumento deadestramento a pilotos e operadores de sensores do Esquadrão, no último dia 20 de abril,entre o aeródromo de São Pedro da Aldeia-RJ (Base Aeronaval de São Pedro da Aldeia) e o aeroporto de Campos dos Goytacazes-RJ. Em agosto de 2012, o Esquadrão HS-1, recebeu as primeiras aeronaves SH-16 Sea Hawk, e a partir de setembro do mesmo ano,começou os voos de qualificação dos tripulantes brasileiros.

O Esquadrão HS-1 vem em uma crescente operacional, com foco na segurança de suas tripulações. Nestas 5.000 horas de voo, destacam-se alguns fatos memoráveis:
Lançamento do míssil Penguin no casco da ex-corveta “Frontin”; lançamento de dois torpedos de exercício; a reaquisição da capacidade de realização de voos ASW noturno tático;
A reaquisição da capacidade de operação a bordo noturna; a realização de diversos voos em proveito da Avaliação Operacional dos SH-16 para melhor utilização de seus sensores Mage, Flir, Radar e Sonar;
Voos para homologação da metralhadora MAG.

Ao longo desse tempo houve, ainda, o resgate noturno de três náufragos do Navio “Beira Mar XXV”, em agosto de 2016, que culminou com o recebimento inédito pela Marinha do prêmio internacional Captain William J. Kossler. A marca de 5.000 horas de voo cumpre o avanço das qualificações operacionais e de manutenção dos militares do HS-1, o que resulta no pronto emprego eficiente do esquadrão como um braço armado da Esquadra.

*Com Informações do Centro de Comunicação Social da Marinha

Tags: